X-Plane o simulador alternativo

Foi artigo da ediccedil;atilde;o de Janeiro do Jornal Take-off, o simulador de voo alternativo X-plane. Da autoria do nosso colaborador Joseacute; Monteiro que daacute; a conhecer este concorrente do simulador da Microsoft. Em leia mais pode ler tudo sobre o X-plane e observar um conjunto de imagens que demonstram bem a qualidade que este simulador jaacute; oferece aos seus utilizadores.

Existem poucas alternativas no mercado dos produtos de massa para computadores pessoais em termos de simulaccedil;atilde;o de voo civil. Em outras ediccedil;otilde;es da Take-Off jaacute; aqui trouxemos produtos especiacute;ficos como o PS1 e o Elite, mas qualquer destes ocupa um nicho especiacute;fico na simulaccedil;atilde;o de voo, natilde;o abarcando nem a miacute;riade de aeronaves nem as funcionalidades em termos luacute;dicos de um Flight Simulator.

Poreacute;m, tem vindo, em especial ao longo dos uacute;ltimos 3 anos a impor-se, como nenhum outro antes, um produto alternativo muito interessante, o X-Plane, ateacute; agora disponiacute;vel apenas atraveacute;s de circuitos comerciais restritos, o que dificultava muito a compra para potenciais clientes Europeus, mas em breve (ateacute; ao final de 2007) distribuiacute;do por uma software house bem conhecida e portanto, espera-se, faacute;cil de adquirir nas lojas de software habituais.

O X-Plane surgiu na deacute;cada de 90 como um produto de elite destinado a permitir por um lado treino e proficiecirc;ncia em aacute;reas como a do voo por instrumentos, especialmente em condiccedil;otilde;es IMC, mas tambeacute;m como plataforma de modelaccedil;atilde;o de diferentes tipos de aeronave, desde as de asas fixas ateacute; aos helicoacute;pteros e auto-giros, mas tambeacute;m foguetes, veiacute;culos destinados a operaccedil;atilde;o noutros planetas como Marte com atmosfera e gravidade diferentes da nossa Terra, balotilde;es e dirigiacute;veis, etc… A sua entrada no mercado dos simuladores de voo fez-se a um patamar de preccedil;os fora do alcance do comum ldquo;simmerrdquo; ndash; cerca de $750 ndash; mas desde entatilde;o tem vindo a ser substancialmente reduzido, sendo que a uacute;ltima versatilde;o (v9) com cenaacute;rios de alta definiccedil;atilde;o para todo o Mundo eacute; distribuiacute;da em 8 DVD-DL por euro;69,00.

Eacute; um projecto arrojado, liderado e praticamente conduzido isoladamente por um uacute;nico homem de nome Austin Meyer, dedicado em pleno a este e ao seu percurso como piloto privado, feliz proprietaacute;rio de aeronaves cujo grau de sofisticaccedil;atilde;o tem evoluiacute;do com a popularidade do X-Plane e o natural incremento das suas vendas. Existem dois sites web de referecirc;ncia, o oficial – http://www.x-plane.com – e a mais representativa comunidade de utilizadores do X-Plane em http://www.x-plane.org este segundo ideal para encontrar, agrave; borla, o que de melhor existe em termos de add-ons para o simulador, sejam cenaacute;rios sejam aeronaves, paineacute;is, etc…

O X-Plane adopta, tal como o Flight Simulator, uma aproximaccedil;atilde;o baseada na em ldquo;table-lookuprdquo; para reproduzir as principais caracteriacute;sticas aerodinacirc;micas de uma aeronave, e diferentes paracirc;metros para aproximar tanto quanto possiacute;vel da realidade um dado modelo. Inovadora neste campo eacute; de facto a forma como o Plane-Maker, uma das aplicaccedil;otilde;es que faz parte do quot;pacotequot; x-plane, deduz a partir de uma seacute;rie de paracirc;metros geomeacute;tricos muitas dessas caracteriacute;sticas aerodinacirc;micas, libertando o utilizador da aacute;rdua tarefa de os procurar junto de fontes muitas das vezes escassas ou simplesmente inexistentes.

Em princiacute;pio se o utilizador tiver em sua posse um bom blueprint da aeronave real, dados sobre a sua eventual motorizaccedil;atilde;o e performance, painel de instrumentos, etc… conseguiraacute; fornececirc;-los atraveacute;s do Plane-Maker ao x-plane e este encarregar-se-aacute; de quot;desenharquot; internamente um modelo aerodinacirc;mico adequado que, quando quot;voadoquot; no simulador deveraacute; exibir as principais caracteriacute;sticas da aeronave real (em alguns casos ainda soacute; em projecto…).

O X-Plane jaacute; foi utilizado em vaacute;rios projectos reais e na sua uacute;ltima versatilde;o foi inclusive adoptado pela Cirrus Design Corporation para o projecto do famoso ldquo;Cirrus Jetrdquo;, que seraacute; tambeacute;m o proacute;ximo aviatilde;o de Austin Meyer! Exemplos que importa realccedil;ar satilde;o igualmente a utilizaccedil;atilde;o do X-Plane pela NASA, Boeing, Lockheed-martin, Carter Copter, Scaled composites, etc…

Existem tambeacute;m versotilde;es destinadas ao mercado dos FNPT, com certificaccedil;atilde;o quer para helicoacute;ptero quer para diferentes tipos de aeronaves GA. Satilde;o disso bom exemplo os produtos da norte-americana ldquo;Fidelity Flight Simulation, Inc.rdquo; com o site http://flightmotion.com ou ateacute; a famosa PFC ndash; http://flypfc.com .

O X-Plane apresenta tambeacute;m interessantes modelos da atmosfera, incluindo efeitos como os da formaccedil;atilde;o de gelo em vaacute;rias estruturas de uma aeronave, incluindo os motores, turbulecirc;ncia e ldquo;windshearrdquo; ou ateacute; mesmo ldquo;microburstrdquo;, etc… tudo bastante realista. Para o voo sem motor podem igualmente contar-se os efeitos de diferentes tipos de correntes ascendentes e descendentes quer convectivas quer advectivas, orograacute;ficas, etc… As visibilidades associadas a diferentes fenoacute;menos atmosfeacute;ricos satilde;o tambeacute;m tratadas com especial realismo pelo X-Plane. Os niacute;veis mais elevados da atmosfera Terrestre e Marciana satilde;o igualmente representados de forma coerente, permitindo voos orbitais, missotilde;es de Space Shuttle, etc…

Em termos visuais os paineacute;is do X-Plane apresentam-se com elevado niacute;vel de clareza o mesmo se podendo dizer dos cenaacute;rios que em especial na nova versatilde;o v9 natilde;o ficam atraacute;s do que de melhor se faz para o MSFS. Agrave; clareza vem juntar-se a fluidez com que os diferentes gauges funcionam, natilde;o sofrendo das descontinuidades grosseiras tiacute;picas de certos instrumentos do MSFS.

Naturalmente, natilde;o haacute; bela sem senatilde;o, e o X-Plane natilde;o foge agrave; regra. A par de uma lista de aspectos positivos, de entre os quais devemos naturalmente salientar o vasto universo de aeronaves com os mais diferentes tipos de motorizaccedil;atilde;o, incluindo mistos, civis ou militares, de ficccedil;atilde;o ou em projecto, mas tambeacute;m o elevado nuacute;mero de releases todas agrave; borla que a equipa do X-Plane faz sair entre versotilde;es, corrigindo bugs e acrescentando novas caracteriacute;sticas poderemos enumerar igualmente bugs e limitaccedil;otilde;es que gostariacute;amos de ver resolvidos:

– Traacute;fego AI bastante limitado e inconsistente;
– Um sistema de ATC realista;
– Muacute;ltiplos paineacute;is como no MSFS
– Correcccedil;otilde;es de certas limitaccedil;otilde;es dos modelos de voo que natilde;o fazem jus agrave; fama que o X-Plane tem relativamente agrave; qualidade neste campo tatilde;o fundamental na simulaccedil;atilde;o de voo, em especial no que diz respeito a perda e voo em poacute;s-sustentaccedil;atilde;o, lacunas que afinal apresenta em comum com o seu principal rival, o MSFS…

A proacute;xima versatilde;o do X-Plane, a versatilde;o 9, estaacute; agrave; data em que escrevemos este artigo jaacute; na sua beta 11, esperando-se para Janeiro de 2008 o lanccedil;amento da versatilde;o 9.00. Ateacute; 9.99 os proprietaacute;rios dos DVDs que compotilde;em o programa e cenaacute;rios de todo o Mundo tecirc;m direito a actualizar gratuitamente a sua plataforma via Internet.

Joseacute; Monteiro
AirSim.net

Comments are closed.